Praia do Gunga: como chegar e o que fazer

O deslumbrante encontro das águas do Oceano Atlântico com a Lagoa do Roteiro, margeado por uma extensa faixa de areia […]

O deslumbrante encontro das águas do Oceano Atlântico com a Lagoa do Roteiro, margeado por uma extensa faixa de areia fininha e um coqueiral reverenciam a paisagem, fazendo do destino uma dos cartões-postais de Alagoas, conhecido internacionalmente. A mistura de tons de azul e verde encanta. É amor à primeira vista!

A Praia do Gunga fica no município de Roteiro, há 43 km de Maceió. Antes mesmo de chegar próximo ao mar é possível ter uma visão panorâmica do local em um mirante com vista para as falésias – altas formações rochosas que terminam no nível do mar – e para a cidade vizinha da Barra de São Miguel, à esquerda, onde o o mar encontra a lagoa. Na outra extremidade, os mar e as rochas esculpidas, naturalmente, pelo tempo e o vento.

Falésia
As falésias da Praia do Gunga são uma atração à parte

 

Quem quiser aproveitar a praia, uma caminhada enche os olhos de beleza. Em muitos trechos do Gunga, a praia é quase deserta. Para um passeio mais longo, é possível alugar um buggy e conhecer a região das falésias, que possui um visual inesquecível. Há também a opção de aluguel de equipamentos para prática de esportes náuticos no local, como stand up paddle e banana boat. Quem quiser desfrutar de forma mais tranquila do passeio, há a opção das charmosas jangadas, para navegar pela lado da lagoa, onde as águas são mais calmas. Os aventureiros podem até arriscar um voo de parapente e conhecer a Praia do Gunga de um ângulo bem diferente. Basta ter coragem! Na praia há barracas com opções de bebidas e petiscos da culinária tradicional de Alagoas.

 

Como chegar?

Para ter acesso à Praia do Gunga, o visitante pode ir pela via terrestre, de ônibus ou carro. O percurso dura cerca de 45 minutos da capital até o local, pela AL 101 – Sul. Ao chegar na praia, o acesso por terra é feito por uma fazenda de cocos. Apesar da propriedade ser privada, o trajeto de carro ou moto é gratuito. No caminho, fique atento às placas de estacionamento e preservação do lugar.

Quem preferir fazer o trajeto pela água, é possível sair do da Barra de São Miguel em embarcações coletivas conhecidas como catamarãs ou escunas, ou até em lanchas e jet skis privados. A travessia dura cerca de 20 minutos e o último retorno ao porto acontece às 17h.

Leia também:

Tríade do Gungaporanga: silêncio, tempo e privacidade

Tríade do Gungaporanga: silêncio, tempo e privacidade

“Os artigos de luxo do século XXI são tempo, o silêncio e a privacidade”, disse Martha Gabriel, professora, escritora e […]

Leia mais
BLACK FRIDAY 2020: a melhor de todos os tempos

BLACK FRIDAY 2020: a melhor de todos os tempos

A BLACK FRIDAY 2020 acontece no dia 27 de novembro e promete ser aquecida em vários setores, principalmente no segmento […]

Leia mais
Em uma nova estação é tempo de florescer

Em uma nova estação é tempo de florescer

Em uma nova estação é tempo de florescer e continuar o autocuidado que estamos cultivando desde o início da quarentena. […]

Leia mais

Assine nossa Newsletter

Nosso WhatsappNosso Whatsapp