Alimentação natural: viaje e não abra mão da saúde

Comer bem é fazer boas escolhas para sua saúde física e mental. Há opções naturais, orgânicas e leves que respeitam […]

Comer bem é fazer boas escolhas para sua saúde física e mental. Há opções naturais, orgânicas e leves que respeitam o próprio alimento e a saúde de quem o consome. Viver assim traz muito mais benefícios, não é?! Mas todo mundo sabe que uma alimentação natural não é uma tarefa fácil, principalmente, quando se quebra a rotina de alguma forma: com uma viagem, por exemplo!

Além de ser fonte de nutrientes, comer também é confraternizar, compartilhar bons momentos e ser feliz. O prazer faz parte da comida! É por isso que vale a pena relaxar um pouco, pedir o que gosta, experimentar novos sabores e curtir sua viagem. Mas mesmo curtindo seus dias de folga, nem sempre é preciso jogar tudo pro alto e esquecer os bons hábitos de vez: nesse texto a gente te mostra que isso é possível. Vamos conferir?

Viajei: e agora, como ter uma alimentação natural?

alimentacaonatural

Viagem e bem-estar têm tudo a ver com saúde, sim! E curtir a gastronomia do seu destino também faz parte das delícias – sem trocadilhos! – do passeio. Não quer abrir mão de refeições balanceadas, uma alimentação natural, ou até aquela dieta que você demorou, mas conseguiu começar? Segue as dicas!

Café da manhã completo

Frutas ricas em fibras dão a sensação de saciedade. Ovos, iogurte, sucos naturais, cereais e aveia são ótimas opções e costumam estar presente nos hotéis. Desse jeito, seu corpo vai ter as fontes de energia que precisa depois de uma noite de sono. Ah, para evitar ter vontade de comer tudo o que encontrar durante os passeios (quem nunca, não é?), não saia do hotel sem se alimentar!

Ah, aqui tem outras dicas, além da alimentação natural, para ter um descanso saudável!

Lanchinhos saudáveis

Uma boa opção para os lanchinhos durante a viagem é um mix com castanha-de-caju, castanha-do-pará, amêndoas, coco em chips, nibs de cacau e o que mais agradar seu paladar. Uma alimentação natural pode – e deve! – ser gostosa, sim! Se for um pouco mais disposto e tiver copa e/ou cozinha nas acomodações, algumas frutas cortadinhas, como morango, abacate, tomate-cereja e até uns pedaços de batata-doce, pipoca (cuidado com o sal!) e sanduíches naturais.

Slow food

Apreciar a comida é um dos segredos da saciedade, sabia? Quanto mais tempo você dedica a mastigar, experimentar os sabores e as texturas, melhor para sua saúde. Então, vale muito a pena investir na culinária local, evitando grandes redes e fast-food. A expressão slow food se refere exatamente a essa experiência culinária que pode tornar a sua viagem ainda mais inesquecível. Confere a dica abaixo e vamos falar mais sobre isso…

Produtos locais

alimentacaonatural

O conceito de slow food tem tudo a ver prestigiar a culinária local, os produtos e produtores do lugar em que você está hospedado, além de ser uma ideia maravilhosa para manter a alimentação natural, sem agrotóxico e cheia de sabores e carinho envolvido em vários processos.

Aqui, no Gungaporanga, por exemplo, temos uma horta hidropônica – um tipo de plantação que é feita na água. Nesse processo, os nutrientes de que as plantas necessitam são dissolvidos-, com muitas opções de verduras e legumes (e que vai expandir ainda mais) e que servem de base para o cardápio servido no restaurante do hotel. Tomate, rúcula, alface, agrião e outras tantas delícias são cultivadas pelos colaboradores de forma natural e orgânica. Você precisa experimentar!

Ficou com água na boca e pensando em todos os sabores que tem para experimentar durante a sua próxima viagem? Que tal escolher o destino e começar a planejar tudo – inclusive como manter a sua alimentação natural? Confere algumas dicas de destinos aqui e boa viagem!

Leia também:

Dia do Trabalho: fuja do estresse e aproveite o feriado

Dia do Trabalho: fuja do estresse e aproveite o feriado

Muita gente passa boa parte da vida profissional tentando construir uma relação saudável com o trabalho e as obrigações. Horários, […]

Leia mais
Páscoa no Gungaporanga: momento de se reconectar

Páscoa no Gungaporanga: momento de se reconectar

O feriado se aproximando e a expectativa para aproveitar do começo ao fim é sempre enorme! Existem incontáveis motivos para […]

Leia mais
4 coisas para fazer na Praia do Francês

4 coisas para fazer na Praia do Francês

Feche os olhos e imagine: quando a maré está baixa há piscinas naturais. Para quem tiver mais fôlego, é possível […]

Leia mais

Assine nossa Newsletter

Nosso WhatsappNosso Whatsapp